Quem tem acompanhado nossas postagens sobre marketing de conteúdo já está bem informado do que se trata o termo e quais são as rotinas básicas para criar uma estratégia de marketing digital eficaz, tendo o conteúdo como um dos principais alicerces do processo. Nas últimas semanas discorremos sobre quais são as melhores técnicas e ferramentas aplicadas em conjunto. Agora vamos iniciar uma discussão sobre como segmentar sua produção para um perfil específico de cliente, que o "dicionário universal do marketês" denomina como persona.

 

O que é persona?

personas

A persona nada mais é do que a visualização de um indivíduo que se pressupõe com grande possibilidade de se tornar lead e converter em cliente. Claro que a construção da persona não é hipotética como a ideia de público-alvo para um determinado produto ou serviço. Para definir um modelo de cliente ideal é preciso mensurar uma série de dados demográficos, sexo, idade, hábitos, consumo, áreas de interesse, informações pessoais, dúvidas, preferências e por aí vai. Depois de filtrar essas informações se chega um modelo que agrega elementos suficientes para interagir com seu negócio. 

 

Mas como se obtém os dados para a criação da persona? 

criando persona

Para que se possa construir uma persona realmente eficaz é preciso levantar todos aqueles dados citados acima, e muitos outros, que vão de acordo com a área de atuação da empresa e quais são os serviços e produtos que ela oferece. E a maneira mais eficiente de obter essas informações é por meio de formulários e canais de relacionamento com o público, como chats e e-mail marketing (que falaremos posteriormente). Com essas ferramentas é possível descobrir de onde vem seu fluxo de clientes, quais são suas dúvidas, problemas e expectativas sobre o trabalho, dentre outros dados que ajudam a chegar a um modelo ideal de consumidor.

Vamos voltar ao nosso fictício site de ração para cachorro. Como se constrói uma persona para este negócio? A partir de um plano inicial de marketing de conteúdo, campanhas de SEO e Social Media com a função atrair público e estratégias de Inbound Marketing e canais de relacionamento, a equipe de marketing consegue coletar um grande número de dados sobre visitantes, leads e clientes convertidos. 

Há no mercado, empresas que oferecem ferramentas para construção de personas que podem ser bastante úteis. Com essas informações é possível construir uma persona, em qual se imagina um indivíduo real e não apenas um compilado de dados. Suponhamos que a mensuração de todas essas informações chegue ao seguinte perfil: Arnaldo é um dentista casado há quatro anos e tem um filho de um ano. Ele gosta de cães pequenos para viver em apartamento. Arnaldo se preocupa com o trato do bichinho e sempre pesquisa sobre os melhores produtos e procedimentos para a melhor qualidade de vida do mascote. 

A partir daí, grande parte da estratégia de marketing conteúdo será orientada para aquele tipo de consumidor. Pois, a partir dessa definição, a equipe de marketing sabe para quem deverá direcionar seu diálogo e oferecer conteúdos que sejam mais eficazes não apenas para a empresa, mas que sejam capazes de responder e, se possível, solucionar o problema do cliente. O conteúdo passa a ter um tratamento direto como uma conversa, o redator consegue se colocar no lugar daquela persona e desenvolver o conteúdo focado nas respostas que ele espera obter. 

Nesse caso, nossa conversa é com Arnaldo e o sucesso dele é o sucesso do site de ração para cachorro. Mas a persona pode ser João, Antônio, Maria, Renato, Moisés... Cabe sua equipe de marketing identificar a persona para o seu negócio. Você já sabe que é a sua persona?